Press "Enter" to skip to content

Canal Fornecedor apresenta na Rio O&G novo serviço de terceirização de cadastro para players e mercado nacional de Offshore

Rio, 24/09/2018 – Em tempos de pós Lava Jato o mercado Offshore de Petróleo e Gás tornou-se mais exigente aos fornecedores e prestadores de serviços brasileiros, que aumentam em seu tempo útil tentando se adequar às novas exigências para participar de concorrências no setor.

Diretor do Canal Fornecedor, Samir Abduch

Com a entrada de novos players internacionais, a busca por fornecedores qualificados, economicamente saudáveis e com tradição de fornecimento comprovada se tornou um desafio constante. Com o mercado cada vez mais competitivo, formar e gerenciar um banco de fornecedores de alta performance passa a ser um fator estratégico para a área de compras de qualquer grande player. A formação desses parceiros comerciais passa necessariamente por um processo chamado: cadastro corporativo.

Aliado à tecnologia, o cadastro corporativo se consolida como o mais novo canal de captação e qualificação de fornecedores. Empresas compradoras, através de um processo customizado de avaliação, submete seus fornecedores em potencial à um sistema de avaliação que pode ser um simples questionário de pré-qualificação ou um longo processo de avaliação documental, passando pelos mais diversos critérios como: técnico, econômico, legal, qualidade, SMS e em alguns casos de integridade. Toda documentação passa por uma equipe de avaliação de fornecedores que habilita a empresa a fazer parte do seleto quadro de fornecedores.
A Petrobras, por exemplo, possui sua plataforma de cadastro corporativo exclusiva: a Petronect. É com ela que a estatal demanda o bem ou serviço de interesse, realiza suas cotações, compras e avaliações periódicas. Tudo em uma única plataforma de negócio, sem precisar recorrer à nenhuma outra fonte externa de referência. A habilitação transparente e gratuita em seu cadastro corporativo é o suficiente para qualquer empresa se tornar fornecedor Petrobras.

Para agilizar e alavancar os negócios entre os fornecedores e empresas variadas, entre elas, a Petrobras, o Grupo Novofoco, lançou recentemente o Canal Fornecedor (www.canalfornecedor.com.br), uma empresa de consultoria especializada obtenção e manutenção de cadastros corporativos.

De acordo com o Diretor do Canal Fornecedor, o empresário Samir Abduch, a ideia é otimizar o tempo dos potencias fornecedores com processos cadastrais e destinar todo o esforço comercial com o que realmente importa, ou seja: elaboração de propostas técnicas, follow-up, relacionamentos e pós-venda. “Muitos empresários chegam até o Canal Fornecedor alegando que já está há meses tentado realizar o cadastro de determinada empresa, mas não conseguem tempo para se dedicar. Entendem que é importante, mas tem dificuldade de delegar, ou por falta de recurso interno, ou até mesmo confiança.”

As empresas que já entenderam esse movimento, já saíram na frente. “Temos clientes que nos encomendam previamente um trabalho cadastral para algumas empresas específicas de uma feira de negócios que vai participar. Isso minimiza muito o tempo e o custo comercial, quebra barreiras de networking e simplifica o tramite burocrático.”, afirma o Diretor.

A francesa Prosernat foi uma das que recorreram à solução de terceirizar o processo cadastral. Ao esbarrar com a complexidade, cada vez mais severa, da Petrobras, sua equipe percebeu que não possuíam o conhecimento e nem o tempo suficiente para se dedicar ao processo. O resultado foi positivo: Com a equipe dedicada em ingressar no mercado, em menos de um ano de operação, após conseguir o cadastro na Petrobras, ganhou aval da matriz para expandir os negócios no Brasil.
Já a Minenge Minatto tinha cadastro e não conseguia contratos junto a petrolífera por estar defasado. Terceirizou o processo de gestão cadastral e em 40 dias voltou a receber oportunidades e ganhou absolutamente todas que participou. Caso semelhante aconteceu com a Bioconsult, que é especializada em ambientes marinhos, sem ‘braço’para atualizar o cadastro, a empresa precisava adequar o cadastro junto à Petrobras, cujos requerimentos estavam mais rígidos. Depois de concluído o processo, obteve crescimento na companhia e conquistou diversos contratos assinados, além de aumentar o networking.
Mais cases em https://canalfornecedor.com.br/cases/

A apresentação oficial acontecerá no Congresso Rio Oil & Gas, que acontece entre os dias 24 e 27 de setembro, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. A ideia é atrair e capitalizar para novos negócios de fornecedores do ramo OffShore, aproveitando a experiência constituída junto à estatal e multinacionais, com o serviço de cadastros.
O estande do Canal Fornecedor é o de número H3 no pavilhão 2.

 

Comments are closed.

Guiaoffshore 16 anos com você