Press "Enter" to skip to content

BNDES aprova linha de capital de giro vinculada à estocagem de etanol

Com dotação de 1,5 bilhão de reais, o Programa BNDES de Apoio ao Setor Sucroalcooleiro disponibilizará crédito de 10 milhões e 200 milhões de reais, limitados a 50% do valor do financiamento

Rio, 04/06/2020 – A diretoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou nesta quinta-feira um programa de crédito para capital de giro vinculado à estocagem do etanol, uma reivindicação do setor sucroalcooleiro junto ao governo para atravessar a crise do coronavírus.

Com dotação de 1,5 bilhão de reais, o Programa BNDES de Apoio ao Setor Sucroalcooleiro disponibilizará crédito de 10 milhões e 200 milhões de reais, limitados a 50% do valor do financiamento, e estará disponível para empresas, cooperativas e empresários individuais com receita operacional bruta igual ou superior a 300 milhões de reais.

O financiamento poderá ser obtido diretamente com o BNDES, de forma indireta (via agentes financeiros) ou mista. “A ação conjunta com bancos comerciais pode elevar o apoio ao setor, portanto, a mais de 3 bilhões de reais”, afirmou o banco em nota.

Segundo o BNDES, o prazo de pagamento é de até dois anos, com carência que pode chegar a 12 meses. Os pedidos para apresentação dos estoques de combustível como garantia dos empréstimos poderão ser protocolados até 30 de setembro.

Por Roberto Samora

Mission News Theme by Compete Themes.
Notícias em Destaque: